O caminho da Escola Politécnica à residência universitária R3.

Imagem

Seguindo a linha de posts dos trajetos comuns aos estudantes da UFBA temos um pequeno trajeto, de aproximadamente 1,4 km (cerca de 20 minutos a pé), realizado pelos moradores da residência universitária R3 e R4, ambas localizadas na mesma rua. Retrataremos os pontos críticos enfrentados partindo da Escola politécnica por um pedestre sem problemas de mobilidade e consciente do caminho a ser feito. Tal ressalva é importante, pois alguns problemas, críticos como serão vistos, inviabilizam o trajeto de maneira segura mesmo para indivíduos saudáveis e sem limitações motoras, além da ausência de sinalizações que permitiria que os usuários trafegassem sem a necessidade de tomarem informações adicionais com outros.

Partindo da entrada principal da Escola Politécnica, na Rua Caetano Moura, basta descer as escadas para identificarmos problemas nos passeios públicos. Em verdade a própria escada é um problema, pois ela segrega, por não haver qualquer projeto para acesso da escola para pessoas com mobilidade limitada. Quando vamos atravessar a rua para prosseguirmos nos deparáramos com a inexistência de uma faixa para pedestres e o trânsito é por vezes confuso. Existe apenas uma área demarcada na própria pista de rodagem que não deveria ser ocupada por veículos, porém raramente essa marcação é respeitada pelos motoristas.

Imagem
Figura 1: Entrada da Escola Politécnica pela Rua Caetano Moura. Não há rampa de acesso a escola ou faixa de pedestre nas vias.
Imagem
Figura 2: Calçamento irregular e falta de manutenção de cerca viva são alguns dos problemas no passeio do trajeto.

No passeio público que tomamos imediatamente após atravessar a rua, falta de manutenção resultou na degradação das calçadas que é esburacada em toda sua extensão, além da falta de manutenção da cerca viva de um terreno privado, que acaba ocupando o já estreito espaço para o tráfego de pedestres. A situação nesse mesmo passeio é agravada pela existência de um ponto de ônibus instalados neste. Este é um ponto sem qualquer abrigo para seus usuários, estes acabam espalhados e ocupando todo passeio, restando ao pedestre tomar a pista de veículos para prosseguir.

Imagem
Figura 3

Passando ao próximo quarteirão, mais uma vez sem qualquer faixa de pedestre, encontramos a obstrução total do passeio pelo lixo depositado de maneira irregular. Além disso encontramos outro problema grave, a existência de inúmeros veículos pelas calçadas, o que pelo código de trânsito brasileiro (LEI Nº 9.503, DE 23 DE SETEMBRO DE 1997.)  Cap. XVII (Das infrações) Art. 181, Inciso VII: Estacionar o veículo: no passeio ou sobre faixa destinada a pedestre, sobre ciclovia ou ciclofaixa, bem como nas ilhas, refúgios, ao lado ou sobre canteiros centrais, divisores de pista de rolamento, marcas de canalização, gramados ou jardim público: Infração – grave; Penalidade – multa; Medida administrativa – remoção do veículo.

Imagem
Figura 4: Passeio tomado pelo lixo impossibilitando o trânsito dos pedestres.

Os problemas retratados apenas nesses dois primeiros quarteirões repetem-se durante o trajeto. Quando chove a situação dos pedestres é ainda mais grave, pois os carros que trafegam passam por buracos e declives da pista cheios água, resultando muitas vezes em respingos e jatos de “água” que ficam depositadas nas vias públicas.

Imagem
Figura 5: Mais carros nas calçadas, a situação se repete por todo trajeto.

* Fizemos contato com SUCON, SEMOP e SEMUT, afim de saber de quem é a competência para resolver os problemas dos passeios públicos. No jogo de empurra, a SEMUT foi indicada como a responsável, contudo não conseguimos estabelecer contato até o momento.

Imagem
Figura 6: Residência Universitária R3 da UFBA. Carro parado no passeio em frente à mesma contrariando o art.181 do código de trânsito brasileiro.
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s